PERMITA-SE

E pelas paredes os grafites vão se embaralhando em suas múltiplas cores.

Sentidos se misturam em nuances de depois, de talvez, de amanhãs que podem nunca chegar.

Almas doentes pululam noite afora em busca de prazeres plenos, mas não satisfeitos.

Pessoas ocas com dores eternas demonstram as alegrias plásticas, os sorrisos milimétricos, as frases certas de efeito e a “pseudo aceitação” dos milhões de “likes” de amigos imaginários.

O que tanto anseiam estes olhos a procura de uma vida que nunca encontram, de uma alegria que não sentem, de um porto seguro para sua nau à deriva?

Megalópole de carências em contraposição com as maiores demonstrações de precisar parecer feliz como no cenário perfeito dos comerciais de televisão.

Quando vamos encontrar este ponto de satisfação e equilíbrio que jamais será achado nas futilidades de nossa sociedade altamente moderna e conectada?

Quando faremos a verdadeira conexão com aquilo que verdadeiramente habita e importa em nós?

Permita-se abrir as janelas empoeiradas de sua alma e é bem provável encontrar lá a manhã tão sonhada com suas luzes plenas e sua pureza límpida.

Não busque fora. A resposta está dentro de você, no canto mais silencioso do seu ser.

Permita-se, e então desfrute verdadeiramente de sua manhã de sol e seja feliz!

 

Solange Biolcatti – 04/03/2018

1 Comment

Deixe uma resposta para Fátima Lamana Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s